Capa / Avaliações / – CENERENTOLA – Fattoria del Colle, 2007 –
– CENERENTOLA – Fattoria del Colle, 2007 –

– CENERENTOLA – Fattoria del Colle, 2007 –

CenerentolaOKIdealizado por Donatella Cinelli Colombini, esse vinho leva o nome da ópera La Cenerentola de Gioachino Rossini (1817), ópera essa que faz muita apologia ao vinho. Tal peça é inspirada no conto de fadas de autoria do escritor francês Charles Perrault: A Cinderela!

O rótulo exibe uma moça com um vestido de baile saindo sozinha em direção à lua, diante da rara paisagem da Toscana...

As semelhanças entre a Cinderela do Vale de Orcia e a Cinderela do conto de fadas não é por acaso: ambas têm duas irmãs mais velhas e famosas que, no caso da Cinderela do Vale Orcia, as “irmãs” são as consagradas e famosas regiões vinícolas fronteiriças: Brunello di Montalcino e Vino Nobile di Montepulciano. A nobreza e consagração das famosas regiões toscanas poderiam ofuscar o Cenerentola, de uma região vinícula recentemente demarcada, e com o histórico de uma cepa que foi banida e vilipendiada por muito tempo no território da Toscana. Daí o apelo ao nome “Cenerentola” no rótulo...

A alma da mulher simples predestinada a brilhar com o seu vestido de baile em uma inesquecível noite é quem mostrará ao mundo que a reputação desse vinho veio para ficar.

Na taça, um verdadeiro “baile” rubi de coloração granada, a revelar uma juventude nunca dormente, sob uma “sinfonia” de aromas florais (caule, rosas vermelhas), frutados (cerejas, amoras e ameixas maduras) animais (couro) e de especiarias (pimentas brancas), notas terrosas e minerais, que fazem a complexidade desse raro bouquet. Na boca, com taninos austeros e frescor combinados, anunciam uma boa capacidade de guarda.

O La Cenerentona vem de um produtor no qual só trabalham mulheres, o que reforça a alma desse vinho - extremamente feminina - uma verdadeira e elegante dama na noite de um grande jantar.

O Vale de Orcia DOC

OValeOrciaOK

O Vale de Orcia, na Toscana, localizado entre os territórios de Vino Nobile e Brunello di Montalcino se caracteriza por guardar uma das partes mais preciosas da história da Humanidade, carcaterizadas pelo conjunto arquitetônico, construções sólidas e uma paisagem sem igual presente na maioria dos quadros da Renascença italiana, e que, por essa razão, é considerado Patrimônio Mundial da UNESCO.

ToscanaNesses termos, a UNESCO considerou o seguinte: “O Vale de Orcia é um exemplo excepcional da reprodução da paisagem do Renascimento, ilustrando os ideais de governo das cidades-estado italianas dos séculos XIV e XV e da estética que orientou tal concepção. Tal paisagem foi celebrada pelos pintores da escola de Siena, influenciando profundamente o desenvolvimento das técnicas paisagísticas”.

É claro que o papel desse blog é tão somente o vinho e seu mundo, não as artes e o patrimônio. Entretanto, o vinho é indissociável da terra, e, por sua vez, indissociável da gente dessa terra (qualquer terra): a gente dessa terra come, bebe, constrói e tem hábitos e culturas desenvolvidos em prol das intenções de uma terra, do que ela dá, e que fazem de um determinado lugar único! Essa pode ser uma das interpretações de terroir, para além da Geologia.

O Vale de Orcia foi transformado em Denominazione di origine controllata (DOC) somente no ano 2000. Seria um grande desafio promover seus desconhecidos vinhos para o padrão dos elegantes e consagrados vinhos da Toscana.

As uvas Sangiovese e Foglia Tonda

SangioveseOKHá hoje na Itália cerca de 453 espécies catalogadas de uvas viníferas: a Sangiovese, principal componente da produção dos vinhos de Chianti, Brunello di Montalcino & Rosso di Montalcino, é a cepa mais consagrada dessa região. Já a Foglia Tonda, uma cepa mais rara e muito subestimada pelos produtores, quase desaparece vítima da falta de informação. Trata-se de uma antiga cepa negra e autóctone de Chianti. Em 1932, ela foi considerada uma uva de caráter medíocre e danosa, de modo que deveria ser praticamente “banida por decreto” das vinhas da Toscana, sob a alegação de que ela poderia danificar o caráter dos vinhos de Siena.

Felizmente, testes recentes tem mostrado que essa cepa é capaz de dar estrutura ao vinho, persistência e coloração. A Foglia Tonda é uma espécie muito proveitosa com relação ao rendimento por hectare, apresenta um aroma agradável de violetas, frutas vermelhas, ameixas secas e compotas, de sabor encorpado e taninos aguçados. Entretanto, é uma espécie muito sensível à seca. Geneticamente ligada à Sangiovese, está presente nas províncias de Florença, Siena e Pistoia.

O Terroir

CepaFogliaTongaOKO Vale de Orcia teve a sua origem em meio ao fogo de um vulcão e a água de um antigo mar: água e fogo, portanto opostos – trágicos elementos mitológicos dignos de uma ópera de Monteverdi - uniram-se para formar esse terroir, cuja história remonta a pelo menos 5000 anos atrás: nesse período, o mar recuou deixando um solo com predomínio de formações calcárias, argiloso e contendo componentes do universo marinho.

Atravessado pelo rio Orcia, o vale apresenta um clima continental mediterrânico com temperaturas médias de 5°C no inverno e 23°C no verão, com precipitações anuais de cerca de 800 milímetros: 60% dessas precipitações estão concentradas no outono e no inverno, contra 30% na primavera e 10% no verão.

Donatella Cinelli Colombini

Oriunda uma família de produtores de Brunello Di Montalcino estabelecida na região nos fins do século XVI, a empresária Donatella Cinelli Colombini é licenciada em História de Arte Medieval. Em 1993, ela fundou o “Movimento de Turismo do Vinho”, um dos responsáveis pela divulgação e sucesso dos vinhos italianos. Em 1998, ela cria a empresa “Fattoria del Colle” – vinícola, adega, hotel e restaurante – empresa dedicada ao turismo e produção de vinhos da Toscana, no sentido de promover a recém criada DOC Orcia, entre outras frentes: nessa empresa só trabalham mulheres, uma iniciativa única em toda a Itália. Grandemente premiada, ocupou cargos de destaques na política de Siena relacionada ao vinho e à agricultura e, a partir de maio de 2013, foi nomeada vice-presidente das Mulheres do Vinho e presidente do Consórcio dos vinhos do Orcia, sendo ela uma das Grandes Mulheres do Vinho. Ainda hoje, leciona na pós graduação de pelo menos 3 universidades na Toscana.

Acesse o site do Produtor

PAÍS: Itália
REGIÃO: Toscana - Vale de Orcia DOC (Denominazione di origine controllata), entre as consagradas regiões Brunello di Montalcino e Vino Nobile di Montepulciano.
CEPA(S): Sangiovese (65%), Foglia Tonda (35%).
SAFRA: 2007.
ENVELHECIMENTO: Descansa 12 meses em barricas de carvalho.
POTENCIAL DE GUARDA: Pelo menos 10 anos.
SERVIÇO: 18 graus.
HARMONIZAÇÃO: Fetuccini com cabrito assado ao vinho tinto. Pasta com ragú de carne bovina. Rabada com polenta.
CLASSIFICAÇÃO:
DEMAIS CLASSIFICAÇÕES: Wine Enthusiast = 90/100 Wine Spectator  = 90/100.
 
 

Sobre Luciano Duarte

Luciano Duarte

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190

Warning: strpos() expects parameter 1 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 180

Warning: preg_match_all() expects parameter 2 to be string, array given in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 189

Warning: array_intersect(): Argument #2 is not an array in /home/storage/4/c8/c2/minhadega1/public_html/wp-includes/shortcodes.php on line 190
[box type="note"]

CenerentolaOKIdealizado por Donatella Cinelli Colombini, esse vinho leva o nome da ópera La Cenerentola de Gioachino Rossini (1817), ópera essa que faz muita apologia ao vinho. Tal peça é inspirada no conto de fadas de autoria do escritor francês Charles Perrault: A Cinderela!

O rótulo exibe uma moça com um vestido de baile saindo sozinha em direção à lua, diante da rara paisagem da Toscana...

As semelhanças entre a Cinderela do Vale de Orcia e a Cinderela do conto de fadas não é por acaso: ambas têm duas irmãs mais velhas e famosas que, no caso da Cinderela do Vale Orcia, as “irmãs” são as consagradas e famosas regiões vinícolas fronteiriças: Brunello di Montalcino e Vino Nobile di Montepulciano. A nobreza e consagração das famosas regiões toscanas poderiam ofuscar o Cenerentola, de uma região vinícula recentemente demarcada, e com o histórico de uma cepa que foi banida e vilipendiada por muito tempo no território da Toscana. Daí o apelo ao nome “Cenerentola” no rótulo...

A alma da mulher simples predestinada a brilhar com o seu vestido de baile em uma inesquecível noite é quem mostrará ao mundo que a reputação desse vinho veio para ficar.

Na taça, um verdadeiro “baile” rubi de coloração granada, a revelar uma juventude nunca dormente, sob uma “sinfonia” de aromas florais (caule, rosas vermelhas), frutados (cerejas, amoras e ameixas maduras) animais (couro) e de especiarias (pimentas brancas), notas terrosas e minerais, que fazem a complexidade desse raro bouquet. Na boca, com taninos austeros e frescor combinados, anunciam uma boa capacidade de guarda.

O La Cenerentona vem de um produtor no qual só trabalham mulheres, o que reforça a alma desse vinho - extremamente feminina - uma verdadeira e elegante dama na noite de um grande jantar.

O Vale de Orcia DOC

OValeOrciaOK

O Vale de Orcia, na Toscana, localizado entre os territórios de Vino Nobile e Brunello di Montalcino se caracteriza por guardar uma das partes mais preciosas da história da Humanidade, carcaterizadas pelo conjunto arquitetônico, construções sólidas e uma paisagem sem igual presente na maioria dos quadros da Renascença italiana, e que, por essa razão, é considerado Patrimônio Mundial da UNESCO.

ToscanaNesses termos, a UNESCO considerou o seguinte: “O Vale de Orcia é um exemplo excepcional da reprodução da paisagem do Renascimento, ilustrando os ideais de governo das cidades-estado italianas dos séculos XIV e XV e da estética que orientou tal concepção. Tal paisagem foi celebrada pelos pintores da escola de Siena, influenciando profundamente o desenvolvimento das técnicas paisagísticas”.

É claro que o papel desse blog é tão somente o vinho e seu mundo, não as artes e o patrimônio. Entretanto, o vinho é indissociável da terra, e, por sua vez, indissociável da gente dessa terra (qualquer terra): a gente dessa terra come, bebe, constrói e tem hábitos e culturas desenvolvidos em prol das intenções de uma terra, do que ela dá, e que fazem de um determinado lugar único! Essa pode ser uma das interpretações de terroir, para além da Geologia.

O Vale de Orcia foi transformado em Denominazione di origine controllata (DOC) somente no ano 2000. Seria um grande desafio promover seus desconhecidos vinhos para o padrão dos elegantes e consagrados vinhos da Toscana.

As uvas Sangiovese e Foglia Tonda

SangioveseOKHá hoje na Itália cerca de 453 espécies catalogadas de uvas viníferas: a Sangiovese, principal componente da produção dos vinhos de Chianti, Brunello di Montalcino & Rosso di Montalcino, é a cepa mais consagrada dessa região. Já a Foglia Tonda, uma cepa mais rara e muito subestimada pelos produtores, quase desaparece vítima da falta de informação. Trata-se de uma antiga cepa negra e autóctone de Chianti. Em 1932, ela foi considerada uma uva de caráter medíocre e danosa, de modo que deveria ser praticamente “banida por decreto” das vinhas da Toscana, sob a alegação de que ela poderia danificar o caráter dos vinhos de Siena.

Felizmente, testes recentes tem mostrado que essa cepa é capaz de dar estrutura ao vinho, persistência e coloração. A Foglia Tonda é uma espécie muito proveitosa com relação ao rendimento por hectare, apresenta um aroma agradável de violetas, frutas vermelhas, ameixas secas e compotas, de sabor encorpado e taninos aguçados. Entretanto, é uma espécie muito sensível à seca. Geneticamente ligada à Sangiovese, está presente nas províncias de Florença, Siena e Pistoia.

O Terroir

CepaFogliaTongaOKO Vale de Orcia teve a sua origem em meio ao fogo de um vulcão e a água de um antigo mar: água e fogo, portanto opostos – trágicos elementos mitológicos dignos de uma ópera de Monteverdi - uniram-se para formar esse terroir, cuja história remonta a pelo menos 5000 anos atrás: nesse período, o mar recuou deixando um solo com predomínio de formações calcárias, argiloso e contendo componentes do universo marinho.

Atravessado pelo rio Orcia, o vale apresenta um clima continental mediterrânico com temperaturas médias de 5°C no inverno e 23°C no verão, com precipitações anuais de cerca de 800 milímetros: 60% dessas precipitações estão concentradas no outono e no inverno, contra 30% na primavera e 10% no verão.

Donatella Cinelli Colombini

Oriunda uma família de produtores de Brunello Di Montalcino estabelecida na região nos fins do século XVI, a empresária Donatella Cinelli Colombini é licenciada em História de Arte Medieval. Em 1993, ela fundou o “Movimento de Turismo do Vinho”, um dos responsáveis pela divulgação e sucesso dos vinhos italianos. Em 1998, ela cria a empresa “Fattoria del Colle” – vinícola, adega, hotel e restaurante – empresa dedicada ao turismo e produção de vinhos da Toscana, no sentido de promover a recém criada DOC Orcia, entre outras frentes: nessa empresa só trabalham mulheres, uma iniciativa única em toda a Itália. Grandemente premiada, ocupou cargos de destaques na política de Siena relacionada ao vinho e à agricultura e, a partir de maio de 2013, foi nomeada vice-presidente das Mulheres do Vinho e presidente do Consórcio dos vinhos do Orcia, sendo ela uma das Grandes Mulheres do Vinho. Ainda hoje, leciona na pós graduação de pelo menos 3 universidades na Toscana.

Acesse o site do Produtor

[/box] [divider]
PAÍS: Itália
REGIÃO: Toscana - Vale de Orcia DOC (Denominazione di origine controllata), entre as consagradas regiões Brunello di Montalcino e Vino Nobile di Montepulciano.
CEPA(S): Sangiovese (65%), Foglia Tonda (35%).
SAFRA: 2007.
ENVELHECIMENTO: Descansa 12 meses em barricas de carvalho.
POTENCIAL DE GUARDA: Pelo menos 10 anos.
SERVIÇO: 18 graus.
HARMONIZAÇÃO: Fetuccini com cabrito assado ao vinho tinto. Pasta com ragú de carne bovina. Rabada com polenta.
CLASSIFICAÇÃO: [yasr_overall_rating size="small"]
DEMAIS CLASSIFICAÇÕES: Wine Enthusiast = 90/100 Wine Spectator  = 90/100.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Scroll To Top